New York City

New York City

NYC é daqueles lugares que você sente que nunca irá conhecer por completo. Já estive por lá duas vezes, andei que nem uma louca e ainda assim fui embora com aquela sensação de que ficou ainda muito lugar bom para visitar.

Na primeira vez, em 2014, fomos apenas eu e Breno e ficamos 15 dias. E, em 2016, fomos com o Enzo e passamos quase três meses em New Jersey. Então tenho experiência com e sem filhos. Posso dizer que o pique e o foco acaba sendo diferente. Mas como o Enzo tinha apenas 10 meses, ele ficava tranquilo no carrinho enquanto passeávamos pela cidade.

Vou dar dicas de alguns lugares para visitar e dependendo do tempo em que ficar saber quais colocar no roteiro.

Lugares que valem muito a pena visitar

  • Times Square 

Assim que você chega em Manhattan, acho que a primeira coisa que deve conhecer é a Times Square. Parece que você está dentro de um filme. Lá estão todos os turistas tirando mil fotos e os artistas de rua (que querem tirar fotos com você para arrecadar um dindin). Tem também várias lojas legais, como a Disney, Forever 21, M&M, entre outras. Ande pelas redondezas, mas não perca muito tempo entrando nas lojas para assim poder conhecer outros lugares. No final você vai perceber que nunca dá tempo de fazer tudo. Então se sua intenção não é compras, mas sim passear pela cidade, o melhor é dar uma visão geral na Times Square sem muita enrolação.

  • Central Park

É enorme e com muita coisa para visitar nele. Você se perde fácil se não tiver um mapa. Eu colocava no Google Maps para poder encontrar os locais que queria tirar foto. É um ótimo lugar para descansar um pouco, fazer um lanche (comprar sanduíches no mercado e comer por lá é uma ótima opção). Alguns pontos que estive para tirar fotos foram: Bethesda Fountain, Belvedere Castle, Conservatory Water.

Um pouco de cultura…

  • Museu de História Natural

O Museu de História Natural é muito interessante, conhecido no filme “Uma Noite no Museu”. Adoramos a visita. Fomos nas duas vezes que estivemos por lá. Um ótimo lugar para ir com crianças, pois é um museu que envolve qualquer um. Clique aqui Museu de História Natural e veja a programação.

Vistas de NYC

  • Empire State

Quando fomos pela primeira vez e éramos apenas eu e marido, fomos em todos os lugares mais importantes de NYC. Apesar de ter ido primeiro no Top of the Rock, resolvemos não deixar de visitar o famoso Empire State. Achei muito legal, mas se tivesse que optar por falta de tempo ou mesmo de grana, pessoalmente, preferi ir no Top of the Rock (achei a vista muito mais legal, porque dele você consegue ver o Empire State). Mas, claro, isso é muito pessoal e há pessoas que prefiram o Empire State. Site Empire State

  • Top of the Rock

É a vista mais bonita de Manhattan, na minha opinião, claro! Aproveitamos para ir no final do dia e acompanhar o pôr do sol (uma dica que achei super válida quando li em outros blogs e realmente valeu muito a pena). O bom é cronometrar mais ou menos o horário para conseguir chegar lá em cima a tempo de ver o sol se por (nesse horário começa a ficar muito cheio, então é bom ficar de olho para não perder a oportunidade). Site Top of the Rock

  • Crysler Center

Fomos na entrada do edifício, tiramos fotos dentro e depois de longe e para mim já estava visto. Esse prédio já foi cenário de alguns filmes e é uma obra de arte. Vale uma atenção!

  • Grand Central Terminal

Não se trata apenas de um centro de transporte, nele há inúmeros restaurantes e um mercado muito bom. É um ótimo local para parar e comer algo enquanto descansa as pernas. Quando fomos com o Enzo parei lá para dar sua papinha e comer algo também. Site Grand Central Terminal

  • The New York Public Library

É muito boa essa Biblioteca. Quando fomos pela segunda vez, meu marido fez várias aulas de inglês gratuitas (tinha apenas que chegar com uma certa antecedência do horário da aula para conseguir uma vaga). Enquanto isso aproveitava para levar o Enzo na aula para bebês que eram muito legais. Cantavam musiquinhas, liam livrinhos, os bebês interagiam uns com os outros. Amei a experiência e quem estiver por lá com bebês e com um tempinho vale muito a pena levá-los. Veja a programação deles no site The New York Public Library

  • Flatiron

Esse prédio foi um dos primeiros arranha-céus construídos em NYC e tem esse nome em razão de possuir a forma de ferro de passar roupas. Quando você chega no local fica procurando o “arranha-céu” que tanto falam…rs…é porque tem tantos outros prédios maiores hoje em dia que se deixar ele passa desapercebido. Mas vale a pena a fotinho em frente a ele. A região é bem legal também.

  • Trinity Church

Já na parte sul da ilha fica a Trinity Church. Quando fomos visitá-la, em 2014, estava tendo uma exposição do 11/9. Foi meio triste ver todos aqueles uniformes de bombeiros queimados. Mas faz parte da triste história de NY. Essa igreja é bem bonita, com o cemitério do lado de fora, ficando bem discrepante do cenário financeiro da região. Site Trinity Church

  • Memorial 9/11

Nunca havia sentido algo semelhante quando me deparei com esse lugar. É uma mistura de tristeza e paz ao mesmo tempo. É bem impactante, principalmente em razão de se tratar de um monumento que foi construído por conta de uma tragédia nunca esquecida. É incrível, apesar dos pesares. Vale muito a pena a visita.

  • Wall Street

A famosa região de Wall Street é repleta de executivos, turistas e tudo que for possível. Tem o famoso Charging Bull (o touro de Wall Street). Uma escultura de bronze cuja lenda é que se você passar a mão no saco dele, fica rico. Bom, tentei por duas vezes e não tive muito sucesso na empreitada, mas se estiver por lá não custa tentar, vai que dá certo! Rica eu não fiquei, mas sou muito feliz com a vida que tenho (vai que ele deu uma ajudinha e eu achando que ser rica é apenas ganhar dinheiro…fica a reflexão…rs).

Visitamos também o Federal Hall. Palco de um recente filme chamado “Jogo do Dinheiro” (com George Clooney e Julia Roberts – 2016).

  • Estátua da Liberdade

Não poderia faltar a famosa Estátua da Liberdade. Fomos nas duas vezes que estivemos em NYC. Apesar de não ser novidade, quis tirar fotinha com Enzo. Não é barato a visita, mas estar lá e não ir dá uma certa sensação de incompletude.

Por sorte, na segunda vez que fomos era aniversário da Estátua e estava tendo evento e foi possível tirar foto na grama, sem as grades para atrapalhar. Nesse passeio eles param na Ellis Island, aonde foi o portão de entrada de milhares de imigrantes. Nada de demais, mas faz parte do passeio e é onde se passou aquele filme “Hitch – Conselheiro Amoroso”.

  • Highline

É um parque linear de aproximadamente 2,5 Km construído em 2009 numa via férrea elevada de NYC, fica a 8 metros de altura e atravessa 3 bairros. Quando fomos estava um pouco abandonado. Não achei incrível como muitos falam, mas sou daquelas que precisa conhecer os lugares e esse eu não quis deixar de ir.

  • Ponte do Brooklyn

Não chegamos a atravessar a ponte como muitos fazem. Confesso que meus pés estavam pedindo arrego e minhas pernas já não aceitavam muitos comandos no dia que fomos, já era final do dia então já viu, né? Como eu digo, NYC tem tanto lugar para conhecer que só sendo meio louca para fazer tudo em poucos dias.

Restaurantes

Uma das coisas mais difíceis que achei de NYC é achar lugares bons e em conta para comer. Ou é bom e muito caro, ou é barato e bem normal. Nos meus roteiros de viagens eu coloco a comida como uma das prioridades. Para mim, viajar e comer bem são as minhas melhores recordações. Mas em NY acaba-se optando por comer muito sanduíche por serem mais fáceis de encontrar com preços mais justos. Há lugares muito bons como o Shake SchakP’J Clarke’s, Bill’s Bar and BurguerFive Guys, entre outros.

Gostamos muito de ir no Ellen’s Stardust Dinner, achamos muito divertido e num preço justo.

Encontramos alguns lugares de comida italiana a um preço bom, como o Olive Garden na Times Square e o Carmine’s Pasta (esse vale muito a pena pela quantidade de comida que vem e pelo preço que se paga).

Comemos muffin e tomamos café no Magnolia Bakery. O local é super bonitinho. Mas íamos sempre no Starbucks (porque amo e sou viciada).

Outlet

Para compras optamos por ir no Jersey Gardens. Tem um ônibus que sai do Port Authority Bus Terminal que vai direto para lá. Tem muitas lojas legais a um preço mais em conta. Mas não sou muito de comprar. Da primeira vez confesso que dei uma enlouquecida, bem de leve, mas dei. E na segunda vez comprei pouca coisa por lá. Como estávamos em Wayne, NJ, íamos muito na Burlington Coat Factory e achei os preços de lá bem mais em conta que no outlet.

Há mais a visitar

Como eu disse, apesar de ter colocado tudo isso, digo que ficou muita coisa fora desse post, como o Metropolitan Museum of Art, o MoMa, St. Patrick Catedral, Chelsea Market, o prédio do Friends e inúmeros outros lugares que fomos mas que não valem a pena ir se o tempo for curto.

Vou compartilhar o link do meu Google Maps com todas as localizações de pontos turísticos e restaurantes que marquei em NYC.

Se quiserem deixar mais dicas nos comentários é super válido e vou adorar saber mais de NYC, afinal, ô lugar cheio de coisa para fazer e conhecer.

Beijinhos

 

 

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *